Caça ao tesouro

Um dos objetivos de ensino da educação infantil na Escola Inovação do Saber é instigar a criança a explorar seu ambiente e a expressar-se por meio de todas as suas linguagens disponíveis, como o desenho, palavras, movimentos, dramatizações e músicas – oportunizando o desenvolvimento de habilidades que se tornam ferramentas importantes para toda vida, como a criatividade, clareza em expressar o pensamento e os desejos explorando todos os espaços que a Escola nos proporciona.

Em uma expedição por nossa escola, os pequenos do Pré II embarcaram em uma grande aventura procurando o tesouro perdido. 

Uma Pirata amiga da professora Letícia quis conhecer seus alunos, mas chegou tarde demais e a escola já estava fechando, porém resolveu andar assim mesmo pois se encantou com a Escola. Contudo, todo pirata tem muitos compromissos, e com esta não era diferente, por isso, decidiu se apressar e não percebeu que deixou cair seu baú do tesouro. Ao passar uns minutos lembrou do seu tesouro, voltou e tentou encontra-lo, mas já estava muito escuro e não dava para enxergar. Decidiu, então, pedir para a professora Letícia procurar o tesouro junto com sua turma no dia seguinte. Para ajuda-los, a pirata resolveu desenhar um mapa com algumas pistas sobre o tesouro. Mas o que seria este tesouro? Ouro? Joias? Um brinquedo?

No dia seguinte após resolver seus compromissos decidiu voltar e ajudar o Pré II, mas estava ansiosa para encontrar seu tesouro. Ao chegar na sala não encontrou a Professora Letícia, então saiu pela Escola com as crianças vestidas de piraras e cantando a música:


Sou um Pirata da perna de pau,
Olho de vidro e cara de mal,
Raaaaaaaaaa!!!!


Percorreram as pistas e encontraram várias letras do alfabeto, (A, E, I, O, U, Q, P, S, D, F, G, H, J, Z, V, M) que aprenderam no meio do caminho. Já estavam cansados de tanto procurar o baú, pensaram até que a “profe” Lê havia pego o tesouro uma vez que não aparecia. A Pirata estava desconfiada mas a turminha não desiste fácil e conseguiram encontrar o tesouro entre as folhagens do gramado. Ufa! Conseguiram. E como recompensa a Pirata repartiu seu tesouro e ficaram surpresos ao abrir o baú e encontrar barras douradas. Mas o melhor foi descobrir que eram barras de chocolate. Que delícia!

A turminha do Pré II é muito esperta e perceberam desde o início que a Pirata era a “profe” Lê, nem trocando de roupa e mudando a voz deu para engana-los. Mesmo assim, a turma se divertiu muito, aprendeu bastante e saboreou um gostoso chocolate.